Editora do Autor de Best–seller do New York Times e Best–seller Internacionais, L. Ron Hubbard

Congresso da Anatomia Sul-africano

 Congresso da Anatomia Sul-africano

Congresso da Anatomia Sul-africano

Imediatamente depois do Congresso da Anatomia da Mente Humana em Washington, DC, L. Ron Hubbard voou para Joanesburgo. Aí deu o mesmo Congresso, adaptado especificamente aos sul-africanos. Neste evento único, ele demonstra o Curso da Anatomia da Mente Humana a um Congresso repleto – o maior de sempre – literalmente mostrando as simplicidades inabaláveis de Scientology e como ensiná-las aos outros: a linha do tempo completa, começar-mudar-parar, o ciclo-de-ação, valências, a natureza da aberração e muito mais. Para a melhor compreensão e interesse do novo público, ele apresentou adicionalmente a Escala de Pré-Havingness – uma tabela que expande a gama da emoção da raça humana, e mede os níveis para trazer cada ser do mais fundo – Interesse Invertido – até ao absoluto topo – Interesse. Para finalizar em grande, ele delineia este programa abrangente para elevar cada homem, mulher e criança da África do Sul. Intitulado O Futuro da África do Sul, aqui está a mensagem pessoal do Sr. Hubbard ao país onde ele diz que “ irá nascer a próxima grande civilização neste planeta”.

Leia Mais
adquira
130€
Envio Gratuito Atualmente elegível para envio gratuito.
Em Stock Envio dentro de 24 horas
Formato: CD
Conferências: 6

Mais sobre Congresso da Anatomia Sul-africano

Do Sul da África vai nascer a próxima grande civilização neste planeta, e vai ter sucesso porque Scientology e toda a sua tecnologia está do seu lado. – L. Ron Hubbard

Estas palavras históricas, escritas após o primeiro e único Congresso no país, marcou um período de crescimento e desenvolvimento de Scientology na África do Sul.

Estávamos em 1961. E entre palestras, pesquisa, audição e deveres executivos na HASI de Joanesburgo, L. Ron Hubbard tinha ficado a conhecer o Sul de África – desde os seus Ministros Parlamentares e chefes tribais, aos estudantes da escola secundária com os quais ele falava na língua zulu que tinha acabado de aprender. Tendo em conta o que viu nesta nação perturbada, ele escreveu:

“A nossa altura chegou.

“A política falhou.

“Neste planeta apenas nós e a nossa tecnologia se interpõe entre as ameaças no presente e a destruição futura.”

Para levar esta tecnologia a um continente, ele convocou o Congresso da Anatomia, que teve lugar a 21 de Janeiro de 1961. Foi o maior Congresso até à data em qualquer parte do mundo, com mais de quinhentos Scientologists da África do Sul presentes para tomarem conhecimento das novas grandes descobertas do Sr. Hubbard: os meios de comunicar inequivocamente os fundamentos de Dianética e Scientology a qualquer pessoa.

Para além disso, desde tempos imemoriais, todo o campo da mente e do espírito tinha estado mergulhado em mistério e complexidade. Como ele explicou, isso era porque o campo tinha sido relegado a um “conjeturar-conjeturar” filosófico:

“Aquilo que fizemos que é espetacular foi ter feito um avanço completamente inovador no campo da mente humana, pegando no carácter prático e previsível das ciências físicas e passando-o para as humanidades. E foi isso que aconteceu em Dianética e Scientology.”

E aí estava contida a essência do que ele apresentou como o Curso da Anatomia da Mente Humana. O Sr. Hubbard apresentou as “Coisas” de Dianética e Scientology – tão concretas e demonstráveis como se fosse num tubo de ensaio ou com uma fita métrica e existindo independentemente da opinião. Aqui estavam portanto os meios para apresentar Scientology como uma matéria prática e tão exata e precisa como as ciências físicas. Ele não mostrou apenas estas coisas, mas deu detalhes de como entregar o próprio curso: o ciclo-de-ação, começar-mudar-parar, a linha do tempo, havingness, problemas de tempo presente, quadros de imagem mental, confusão e o dado estável; ao todo, uma lista de vinte e quatro itens fundamentais que formavam a base deste novo curso.

E se como isso não bastasse, ele revelou ainda mais uma ferramenta nova de audição e disseminação: a Escala de Pré-Havingness. Aqui estava uma expansão do “Quarteto Mortal”: os quatro fatores necessários para colocar um preclear completamente em sessão e a ter ganhos (Congresso de Londres sobre Disseminação e Ajuda).

Tudo isto quer dizer que, com o Congresso da Anatomia Sul Africano, surgiram as ferramentas para começar essa próxima grande civilização na Terra e consequentemente a essência destas palavras de despedida de L. Ron Hubbard:

“Por isso, o programa para a África do Sul que nós apoiamos e que eu estou a promover, é simplesmente: vamos tornar cada homem, mulher e criança que possamos encontrar na África do Sul, tão capazes quanto pudermos, o mais rápido que pudermos.”

« Congress Lectures